Anti-Pirataria

 

Pirataria-SADIA
Pirataria-SADIA

Pirataria de música atrapalha carreiras, abafa talentos e destrói a capacidade de compositores e artistas de continuar gravando a ótima música que é a trilha sonora de nossas vidas.

A pirataria musical também tira o pão das mesas de milhares de pessoas que trabalham em áreas relacionadas à música – de autores e compositores de obras musicais, artistas de gravação a funcionários de gravadoras, produtores de estúdios e engenheiros de som.

A pirataria online é o mais novo inimigo na batalha para preservar a proteção de direitos autorais. Existem diferentes tipos de compartilhamento e download de músicas online. As redes de compartilhamento de arquivos ponto a ponto (“P2P”) operam quando os usuários da Internet baixam o programa de compartilhamento de arquivos da rede em seus computadores.

Os usuários podem procurar, baixar e compartilhar músicas, digitalizadas em formato MP3, nos discos rígidos de outras pessoas que baixaram o mesmo programa de compartilhamento de arquivos.

Quando um usuário seleciona a música que deseja baixar, as redes de compartilhamento de arquivos P2P estabelecem uma conexão entre o computador e o disco rígido de outra pessoa na rede que possui a música. Usuários com o mesmo programa de compartilhamento de arquivos podem compartilhar músicas quando ambos têm conexões com a Internet. O arquivo de música é então transferido diretamente de um computador para outro.

 

“Muitas pessoas vêem a pirataria como um crime ‘sem vítimas’”

É estranho que milhões de pessoas que nem sonham em roubar um livro, álbum ou DVD não pensem duas vezes em baixar músicas ilegalmente da Internet, copiar e compartilhar músicas ou comprar CDs, DVDs piratas etc.

Em parte porque muitas pessoas veem a pirataria como um crime ‘sem vítimas’ e porque algumas pessoas simplesmente não percebem o impacto que a pirataria tem sobre compositores, artistas e gravadoras. Eles não estão cientes das leis que cercam a pirataria musical e não têm ideia do efeito devastador e abrangente que suas ações têm sobre as pessoas que trabalham duro na indústria da música.

É por isso que a SADIA, Vai educar o público sobre os perigos da pirataria musical.

“Reduzir a pirataria musical requer uma mudança fundamental na atitude do público”

Muitos de nós que tocamos música há algum tempo ouvimos falar do termo ‘pirataria musical’. É a cópia, compartilhamento, download ou transmissão ilegal de músicas, e é uma grande preocupação para a indústria da música. A música pirata pode ser transmitida, compartilhada ou vendida fisicamente ou online.